VINACC 2017 – 1º SEMINÁRIO SOBRE A HISTÓRIA DA REFORMA

Ontem continuei as preleções no 1° Seminário sobre a História da Reforma, na 19ª Consciência Cristã, em Campina Grande. O seminário ocorre no templo da Igreja Presbiteriana Central.

Ontem o templo continuava lotado, com muitas pessoas ouvindo sobre os temas principais da Reforma Protestante do século 16.

Todo louvor seja dado a Deus! E que este interesse pela Reforma continue crescendo e conduza a igreja brasileira a se tornar cativa à Palavra de Deus e, desta forma, buscar a transformação da nossa tão sofrida pátria.

“Parecia-me, de imediato, que sentia em meu interior um maravilhoso conforto e tranquilidade, de tal maneira que meus ossos feridos exultavam. Depois disso, a Escritura começou a tornar-se mais agradável para mim que o mel ou o favo de mel. Ali, aprendi que todas as minhas angústias, todos os meus jejuns e vigílias, toda a redenção de missas e absolvições eram realizados sem a verdade em Cristo, que salvou seu povo dos pecados deles. Essas coisas, afirmo, aprendi serem nada mais que uma corrida veloz e precipitada longe do reto caminho (como Santo Agostinho disse), ou que eram muito parecidas com as vestes feitas de folhas de figueira, com as quais Adão e Eva tentaram em vão cobrir-se, e nunca puderam encontrar paz e repouso – até crerem na promessa de Deus, de que Cristo, a semente da mulher, pisara a cabeça da serpente” (Thomas Bilney, 1516).

[O rapaz da foto é o Pedro Henrique, coordenador de ambiente, e que me apoiou. Tem 13 anos, mas com um imenso espírito de serviço e responsabilidade]

vinacc-palestra-2 vinacc-palestra-4 vinacc-palestra-5