“ATÉ O ÚLTIMO HOMEM”

Excelente drama de guerra inspirado na história real de Desmond T. Doss, o primeiro objetor de consciência na história dos EUA a receber a Medalha de Honra do Congresso. Doss se recusou a pegar em armas e a matar, por motivos pessoais e religiosos, mas mesmo assim se alistou no Exército durante a Segunda Guerra Mundial porque acreditava ser a coisa certa a fazer.

Doss foi médico e serviu no 2° Pelotão, Companhia B, 1° Batalhão, 307ª Infantaria, 77ª Divisão de Infantaria, durante as batalhas de Guam, FIlipinas e Okinawa, na Segunda Guerra Mundial.

A Batalha de Okinawa, retratada no filme, foi a mais sangrenta da Guerra no Pacífico. Nela morreram mais de 12 mil soldados americanos e entre 77 mil a 110 mil soldados japoneses, além de 149 mil civis locais.

Historiadores acreditam que a Batalha de Okinawa levou diretamente aos bombardeamentos de Hiroshima e Nagasaki, como um meio de evitar as imensas perdas que seriam acarretadas às forças americanas numa eventual invasão do Japão.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e texto