As esquerdas e a idolatria do Estado

O líder do PT na Câmara, José Guimarães, afirmou: “Acho que o Brasil precisa nesse momento de mais Estado e menos mercado”.

Em outras palavras, o petista quer mais governo atrapalhando a vida do povo, para depois fingir desgosto com a consequência inevitável do estatismo: os escândalos sucessivos de roubos milionários (“Mensalão”, “Petrolão”), como os investigados pela Operação Lava-Jato, e que prejudicam diretamente a população.

Para lembrar – José Guimarães (PT-CE) é aquela excelência cujo assessor foi pego no aeroporto de Congonhas-SP, em 2005, com R$ 209.000,00 numa maleta e U$ 100.000,00 na cueca.

Como disse O Antagonista, José Guimarães “é o Capitão Cueca do petismo”.